Eu nunca vou entender , como aconteceu rápido.
Nunca vou entender, por que eu sinto que em miim você está ficando cada vez mais leve.
Eu não sinto mais como se você estivesse do meu lado.
Mais eu odeio parte de mim, em ter que admitir: Você será sempre parte secreta de mim.
' Tava com saudade hoje a tarde, Eu também nunca mais tinha chorado um pouquinho, Tenho medo de
te perder dos meus pensamentos.
Olhei aquela foto. Lembra? - é estranho. Por um instante senti como se nunca tivessemos nos amado uma dia.
E doí um tanto que você nem sabe. Senti sua falta hoje a tarde, e ontem a noite.
Eu sinto sempre.
Hoje eu descobri que quando me apaixonei por você, eu tinha um pouco do mundo nas mãos. e não quero perder isso.
 Eu me apaixonei por você , e não pelo que vc se tornou.
E eu acho que vou continuar amando o homem sorridente daquela foto.
As coisas as vezes ficam confusas, não é verdade?
Tudo muda. E há sempre culpados. Que somos nós. Eu e você.
Deixamos morrer em algum dia, e nem percebemos.
Eramos felizes ao menos? - Havia amor? -Nesse mundo, existem coisas parecidas com amor, são iguais  ao amor...
Mais não são amor. Mas, E nós ? Eramos amor? -
Chegamos a pior parte de nós mesmos, o egoismo, a fragilidade, já tomou conta de quem fomos um dia.
De risos que demos, e de palavras que falamos um para o outro. Decididamente, não sei qual é o sentimento certo que eu devo sentir , toda vez que penso em nós dois. Por favor passe o tempo todo onde quizer , mais volte algum dia.
Por que o que restou foi o tempo, E sua dura realidade, de que o passado não volta mais.




[ é incrivel dizer: Que mesmo sem você aqui, o seu lugar continua guardado. Porque ele sempre foi seu].





FELIZ ANIVERSÁRIO. (eu queria estar presente, sentir e ouvir sua voz nesse dia. Eu não posso. Mais eu queria. Deus sabe como eu queria). -Qualquer lugar que vc estiver... Eu estarei sempre aqui. Eu prometi.

Saquinho de conselhos.

Ei garota? O que você está esperando?
Ele não é o seu grande amor? Você não o quer? 
Vá atrás Dele!
-Vá.
Mas, espere. Você também é o grande amor dele?  Se for, ele estará te esperando, Se for ele vai ter sofrido cada dia como você sofreu.
Então? você também é o grande amor dele?




- Como assim não sabe?!
Deveria saber. Quando a gente ama de verdade , não há dúvidas, nem brechas, nem um não saber.
É lógico que o amor é dificil , complicado, as vezes impossivel, Mais muito, muito raramente duvidoso.
- O amor duvidoso não é amor. É comodismo, é status e medo de ficar sozinha.
E todo mundo um dia passa por ele.
 Tenho que te dizer a verdade, Ele não é o seu grande amor. Você não é o grande amor dele.
Cada um dos dois foi uma estrada, que apenas os juntou por um tempo determinado.
Não chore mais, ele nem merece essas lágrimas, Ele nem merece você.
Não vá atras dele. Vai te trazer mais dor e sofrimento, quando vc perceber que ele não está tão mal assim. 
Outra coisa: Se tiver que sofrer , sofra logo, sofra rápido, Não demonstre, Não leve isso pela sua nova caminhada, Lembre-se sempre de que o pior já passou...
Daqui a seis meses, você estará pronta pra se você de novo.
Mais enquanto você não consegue isso, Pode ter certeza de que eu estarei aqui pra te levantar , Na hora que vc cair.


















- Olhe o mar de vez em quando. Tem tanta coisa pra se ver.























Tô na laterna dos afogados, Tô te esperando vê se vai demorar...
Hoje não.
Hoje não.
Hoje eu só não quero motivos pra pensar em você. Por favor. Hoje não.

Saudade...

Eu também fui saudade. Fui um pedaço de saudade. Um pedaço de alguns detalhes...
Fui retalhos, velhos... Que deixavam marcados, um EU  TE AMO DEMAIS. Que acabou.
Fui uma saudade meio demorada, meu turbulenta...
Fui saudade dia, apos dia... Criando meios e estradas, melhores que a  últimas.
Fui saudade, determinada a continuar saudade. Até a proxima estação chegar.
Por que eu também fui saudade, Muita saudade.



EU NÃO ENTENDO...

Nem mesmo quando entendo, entendo realmente.
Porque logo em seguida , vem tudo turvo novamente.
É quando tudo para de fazer sentido. As músicas são estranhas, os dias piores, que se fossem dias normais.
Porque tudo que eu quiz, Porque tudo que eu tive hoje são apenas cartas guardadas nas gavetas. Papeis velhos, que logo o tempo vai se encarregar de estragar...
Pena.
Hoje me resta choros presos, gritos que me fazem sentir uma ardencia nas cordas vocais.
Me resta um estrada bem desesperadora.
Pena.
Me resta pensar em não pensar, Já que esse tudo é maior parte sólida de mim.
Deixa eu te contar um coisa:
Tá caindo chuva lá fora... Eu não sei onde você está. Mais qualquer lugar que estiver não se esqueça de lembrar.
- Se lembra de quando eramos felizes,
e não precisavamos provar nada pra ninguém.?

-Sim.E é disso que eu sinto falta...

-
Choveu no sertão...
E eu sabia que de algum outro jeito, depois de anos, nós teriamos essa mesma conversa de novo.
Estando sobria de toda loucura universal, você realmente estava ali...
e tudo havia mudado...menos a cor dos seus olhos.
O jeito de me tocar e me sentir, e de beijar..
iguais...
intactos...
perfeitamente como me lembrava...Você me dá sensaçoes das quais eu não consigo me livrar...

..Se o tempo parar pra nós dois vou tentar te guardar...
sem voc aqui, sem voc sorrir pra mim, e so mais uma vez..) TRECHO DE GLORIA.." MINHA PAZ.
Eu estava cantando só pra dor  ir embora...
Já que a dor já era parte de mim...

Sou um fiozinho de medo misturado com o calor do sol que queima minha pele, sou um gotejar de orvalho daquela madrugada  que estavamos juntos e nada mais importava além de nós dois...
Por que eu ainda continuo naquele bosque, sentanda, esperando você voltar.
É verdade eu nunca mais escrevi nada aqui.
Correria, Trabalho... Namoro... e percebi que havia parado de cuidar da coisa que eu mais gosto.
 
E percebi que essas coisas são parte de mim, parte do que sinto todos os dias pela manhã. Também passei um tempo lutando por algo mais... Algo que me faz falta.
Algo como as coisas simples que componhem a vida.

Algo como me sentir feliz só por que estive a beira do mar. Por que eu continuo olhando a vida com os olhos esperançosos de um criança.


Feliz dia dos amigos de verdade.
Sinto saudade de estar com vocês.

Aos velhos amigos.

Algumas vezes o cheiro é nossa maior lembrança. Por que a memória falha e no cheiro nos aquecemos.
Já me esqueci de tantas coisas ,de tantas fases que vivi, e de repente senti o cheiro que me  fez lembrar de tudo. As vezes é bom, as vezes não... Por que as vezes isso pode doer, por que nada é perfeito. Voltei ao passado ás quatro da tarde , em um dia de domingo, pensei nos velhos amigos que tomaram rumos diferentes... Nas farras de sábado... Nos shows...
Pensei em vinte minutos um turbilhão de coisas que eu imaginava ter morrido dentro de mim.
Pensei em abraços, Risos... Das rodinhas... Não pensei. Lembrei. Eu jamais esqueci.
Hoje sei que mudei, hoje sei que cresci um pouquinho mais.
Hoje também sou feliz, Uma felicidade diferente, nova. Mais não posso negar que sinto falta daquela velha felicidade que me cercava.






Saudade...
Perdida no escuro, chamando seu nome, Perdida.
Ouvindo música dos anos 60, e dançando como se a noite nunca fosse acabar.
E então eu tive que dançar a última música deitada sobre seu ombro aquecedor. E tive medo de não poder me despedir.
Por que a qualquer momento eu veria seus olhos brilharem ao soltar minhas mãos com dificuldade.
Mais já era tarde demais. Eu já estava completamente  apaixonada por você.

E quanto mais eu tento não me afogar dentro dessas ideias que me fazem chorar, é ai que me vejo sozinha.
 Quantas vezes ao dia eu deixo de cuidar de minhas loucuras , pra fazer com que o resto do mundo não sinta o medo que está escondido?
Um dia alguém me fez essa mesma pergunta e eu achei que essa pessoa era louca... Eu me enganei, Porque hoje sei o que é viver anadando apenas na contra mão.
 Tudo é relativo, Tudo pode dar errado, mais sei que posso me acolher em seus dons de cuidar do meu coração.
Por que existe uma tal de felicidade que eu tenho vontade de experimentar ao seu lado quente e movedor de montanhas.
Sei lá se vai demorar! Sei lá se é eterno.
Sei que podemos fazer o que quizer olhando um nos olhos do outro... e  segurando suas mãos que eu sinto o que é realidade.
Talvez eu me cale, eu não quero jamais ter que magoar você.
Sabe aquilo que eu tava pensando , olhando pro nada, e você disse que daria qualquer coisa pra saber.

é que acordar apenas algumas noites ao seu lado já não é mais suficiente.

Eu estarei aqui até o fim.

Quando eu olhei pela janela do carro. Eu ve que você tinha me esperado a semana inteira;
 E quando você me abraçou eu simplismente chorei.
Tudo ficará bem.
E eu não terei que partir, nem dizer adeus outra vez.
Mais sei que nem tudo são rosas, que eu vou  gritar as vezes...
Mais sei também que se eu precisar me desculpar, eu terei seu perdão.
E eu serei quem cuidará de nós. Aqui. Agora.
E a cada dia eu me apaixono mais por você, nunca duvide. Nunca.
Sou seu mar estrelado. Sua ternura. Eu estarei aqui se o mundo acabar. E você estará em mim.
Feche seus olhos, e sinta que eu lutei contra seus medos. Pra proteger você... Sequei minhas lágrimas, e agora encaro os dias. Apenas um pouco de tempo, foi o que precisamos, pra sentir como isso pode nos libertar. Libertar do medo de amar.

Andado em direção ao velho album de fotos...
Sentindo sua mão tocar meu rosto , depois de um dia inteiro andando por ai. É quando eu volto pra casa farta, de ser constantemente obrigada  a  me despedir de você...
É quando eu sinto medo de apagar todas as  luzes, por que eu sei que quando eu sentir medo... você não vai estar aqui pra conversar sobre tudo.
 É como água salgada queimando os olhos, É como fogo nos dedos... É tudo que me sobresalta antes de viver.
É uma semana inteira que passa devagar... lentamente me cortando. É só questão de tempo até  tudo se encaixar.
Sei que posso esperar, Só não posso me acomodar.
Sentada em um bar estilo meio faroeste, com cheiro de sangue.
Delirando sobre o que eu farei depois que o último gole descer queimando sobre minha garganta.
Chorando... E que merda...eu sei exatamente o que estarei fazendo...
Vou tirar o capuz vermelho dos cabelos, e gritar seu nome no meio da floresta...
e gritar e gritar...Até as veias sairem do meu corpo, E eu deixar de existir.
Adormecer...
No meio do nada e cheia de tudo... Abrir os olhos com dificuldade... Respirar como se fosse a última fez.
Presa dentro da caixa de pandora... No meio da floresta. Lugar meu. Onde me sinto perfeitamente encaixada como em um bosque triste. Que chove só de vez em quando.
Você é mais ou menos meu par perfeito... Meu grande divisor de sentimentos.
Meu escultor... O que faz de mim uma obra de arte, de valor incalculável.


A última guerra.

Querido.
 Peguei suas velhas cartas essa noite. E estive sentindo sua falta no decorrer da semana.
Enxuguei as lágrimas, fiz um chocolate quente  do jeito que você gosta, Rolei de um lado pro outro na cama, o sono não apareceu.
Levantei e abri a primeira gaveta velha, Aquela que você disse que arrumaria assim que arrumasse  tempo. Peguei  sua camisa, de domingo,  a branca, eu a vesti. Eu te imaginei ali outra vez, te imaginei tocando minha barriga, como você sempre fez.


Eu sei. Eu sei.
Eu prometi.  Prometi que ficaria bem. Prometi que não ia me importar.
Mais você... Também prometeu. -Disse que nunca mais ia me fazer sofrer de novo. 
E quando você partiu, deixou a guerra comigo.
Imagino a dor que você tem sentindo nesse lugar horrivel.
imagino o frio...


Sua mãe apareceu na quarta, -disse que você  vai voltar, e que tudo logo vai acabar.
E mesmo com toda aquela confiança, ve em seus olhos que ela sente o mesmo medo que eu sinto.
Eu tô perdida. Quando isso vai acabar? 
A guerra não é nossa meu bem... a guerra não vale nossas vidas.
Estou te esperando anciosamente.


Eu te amo. Pra sempre.






                                         


15, de dezembro, de 1997 


Querida Ana.


Como eu queria poder estar ai e compartilhar com você desse seu chocolate maravilhoso.
Por favor, não chores mais... Tudo vai passar. Por favor não sinta medo eu estou com você  todos os dias.
Tenho tentando não imaginar seu sofrimento, mesmo sendo impossivel.
Há meses que não sei o que é paz nesse lugar.  E quando tudo acabar, vou estar em casa, me aquecendo no seus cabelos ruivos e cacheados... e prometo que dessa vez arrumo nossa gaveta.
Desculpe não estar ai pra ver sua barriga crescer... E te fazer durmir.
Desculpe.


Não é nossa culpa meu amor. A guerra logo vai acabar.


Eu te amo. Em qualquer circunstância.





    Era uma noite de verão...
E ela só queria sair da cidade sem se despedir de ninguém, mesmo ela tendo sido tão feliz ali.
E se ela continuasse tentando empurrar a vida pra frente vivendo lá, se perguntaria quantas vezes ao dia olharia pela janela, esperando ele chegar pela porta da frente daquela livraria velha, que tinha cheiro de verniz fresco... Trazendo consigo suas flores preferidas, suas tulipas delicadas... Com aqueles mesmos olhos verdes, e aquele mesmo cabelo desajustado... Se perguntaria, quantas vezes tomaria vinho se lembrando daquele sorriso meio sem rumo que ele dava, sempre que ela o olhava?
-Era um noite de verão, cujo qual ela pedia que acabasse logo e com a noite fosse embora também sua agônia, sua tristeza.
Ela fugiu, Correu, gritou no meio da passarela... Querendo dizer que o amava, e que sempre o amaria.
    Carregava  no bolso esquerdo da calça jeans preferida, a única foto que eles tiveram tempo de tirar, o anel de noivado e suas últimas  esperanças, sim, ela levara também suas últimas  esperanças dentro do bolso... Ela sabia que veria ele outra vez, sabia também que isso podia demorar... Mas que diferença fazia? Ela já havia esperado ele a vida toda.
É difícil  ser romantica demais. 
Por que nunca encontramos alguém que supere todas nossas expectativas...
Parece que você está sempre andando entre os carros, e ninguém te vê ali.
É como se o verão nunca tivesse chegado.
É isso que acontece quando você enxerga o mundo com outros olhos.
Com olhos mais intensos, mais realistas...
É como viver em um lugar, um paraíso qualquer, que ainda não se adaptou ao seu jeito de pensar.
É como viver em um lugar frio, que faz muito calor, é como se perder no caminho que te leva de volta pra casa;
Ai você percebe que não sabe mais o que fazer pra que as coisas voltem ao normal. Aí você percebe que perdeu a vontade de fazer planos, porque tem medo deles não se realizarem. Você volta no passado, lê cartas antigas, lembra dos velhos amigos e mesmo assim continua achando que você é diferente de tudo que existe.
Você é de Marte, Vênus... Você é de um planeta melhor, pior, desconhecido.
Você volta no passado e tenta concertar, mas continua tudo igual.
Você é meio igual, meio diferente e se contradiz sempre que pode...
[...] Porque a verdade é que, nem você mesmo sabe quem é !
 






Equilíbrio,Você sempre me dá equilíbrio...

Você, Pra sempre, Você.

O dia faz todo sentido, o dia vale a pena, se eu souber que a noite eu verei seu sorriso pra mim.
Então comecei a acreditar que na vida o que realmente vale a pena, é o que você está disposta a ceder. Nem que seja de vez em quando.
Aprendi que quando se erra um vez  isso te traz força  pra que você não abuse da sorte.
Quer saber meu maior segredo?!

- Eu estou aqui pra te fazer feliz, e se  você for feliz então eu também serei.
 -Estou aqui para te dizer...  Eu já não sei o que seria viver sem você.

E depois que descobri tantas coisas, comecei a me redescobrir , e me colorir outra vez.
E analizando eu te equilibro e você me equilibra, somos lados opostos da mesma face.
Somos reais.
Pois já não temos tempo pra conto de fadas.


Lugares dentro de mim, Lugares...

Tudo que sempre quiz conhecer, é também tudo que  sinto quando estou perto dele.
Um grosso, bobo e que eu insisto minhas cartas roubadas, meu ar, meu tempo.
Fiquei um tempo admirando as luzes, luzes que brilham, fiquei imaginando o futuro através da minha mente articulosa.
E percebi: Eu sou um ser no meio do mundo, perdida, Gritando por s.o.s, onde não existe mais ninguém.
Exijo saber qual foi a parte que me afoguei, nesse inverno que trás cheiro de rosas, e imagens distorcidas do Respeito.
Eu sou estranha? Como o sentimento?
É. Não tão quanto o sentimento, mais sou sim. Quero dizer que você faz os dias de estranheza, se tornarem um pouquinho melhor, e isso não quer dizer que vou mudar de novo pra cuidar de tudo.

Cansada da farsa de ser aquele moça que aceita tudo que acontece. Abaixa a cabeça e segue a vida...
Cansada de amar sozinha, e continuar enfrentando.
Cansada de ser pedaços quebrados de um espelho sem serventia.

Por que eu sei que é amor!

E eu sinto que é amor.
Por que quando olho nos olhos castanhos escuros dele, ali vejo o verão, a primavera, vejo tudo que  preciso pra viver feliz.
E quando estou perdida em pesadelos diários, ele me puxa pela mão, ele cuida de mim, ele sempre está ali, caso caia, ele me segura.
Meu sapo. 
Que  quando beijei se trasnformou no melhor principe de todos.
Vou te dizer sem você o mundo seria estranho.
O que sinto é grande, forte, teimoso.
O que sinto tem a força de um vulcão, é pura ventania é a coisa mais linda que alguém pode oferecer.
Somos formados por particulas completamente diferentes, mais ainda me pergunto, Porque  sinto como se você fosse um pedaço de mim?! Por que sinto que seu coração bate no mesmo ritmo que o meu?!
Por que sinto que se abrir meus olhos e você me abraçar o resto do ano  vai ser perfeito?!


Me responde! Por que você  faz com que eu me sinta  tão leve , tão boba, tão eu mesma?!
 Me responde! Por que quando choro por você,  acho que é dor demais pra uma pessoa só?!
Tantas perguntas, Você um dia vai me responder? 


Obrigada pela força.
E na verdade você  está certo, penso muito e talvez quando concluir meu pensamento, eu conte sobre nós.
Sobre o conto que eu tive que contar todos os dias , até você voltar pra minha vida como uma chama.



Um dia você vai entender o que eu sinto.

Um dia você vai descobrir que é amor , mais forte até mesmo que o amor dos outros normais.

P.s: Eu te amo.
-Era como estar presa em uma garrafa pet. Um lugar apertado, quente e tenso.
E me sentir totalmente desprotegida. Foi naquele dia que eu soube que eu não queria estar naquele lugar, Com poucos amigos ,o cheiro de pueira que ardia o nariz, foi naquele minuto que eu decide que eu seria eu mesma sem precisar de concordância dos demais.

Parei de colocar sentimento , e parei de me deixar levar pelo coração.
Parei de lutar, lutas que não eram minhas.
Parei de gritar, mais comecei  a me comunicar com sinceridade, e quase já não tinha travas na minha lingua.
Eu realmente tinha aprendido a lição, eu realmenti tinha mudado.

Ou eu apenas cresci.










Outra vez. Terceira vez, Isso nunca terá fim.

Tô arriscando outra vez. Tentando, E dessa vez eu não sinto mais medo. O medo já fez parte de mim, demais.
Então chega.
O tempo corre, então vamos começar a nos arrepender de não ter feito o que mandava o coração. Vamos nos arrepender de não ter tentado mais de uma vez.
Eu sempre tive a certeza de que aquele sorriso que ele dava , que fazia seus olhos ficarem puxados, aquele sorriso ele só dava quando olhava pra mim...




Enfim o amanhecer chegou, e tudo que eu sentia eram as mãos dele em minha volta, e tudo que eu sentia era uma puta de uma felicidade, uma felicidade que só ele me trazia.









Reage coração , Por favor reage.







Lembra?

Hoje eu consigo sentir o que eu sentia a algum tempo atrás. 
Março finalmente terminou levando com ele meus dias alegres. E tudo que eu mais preciso agora e continuar enfrentando um abril , que eu acho que vai demorar de passar.


Lembra?
- O que? 
 Aquele dia não tinha estrelas...
 - Lembro. a única estrela que eu via aquele dia era você.


Por que somos tão capazes de sofrer, sofrer e ainda continuar precisando de cada sorriso que aquela  pessoa te dava. Hoje eu sei o que é saudade , apesar de fingir que eu sou forte e aguento, Todo dia é como se eu ouvisse sua voz, e seus passos pela casa. É horrivel.
 Eu queria que você  pudesse ler isso agora. Como eu queria.

'Tava  parada , deitada na cama, ai lembrei do que você me disse a um mês atrás...
  2 meses né amor. 
- É amor. Os mais felizes da minha vida, - eu respondi.
-Eu te amo.
- eu te amo.

Desculpa é que pra mim não caiu a ficha ainda. Se tudo iria terminar, por que eu acho que deveria ter sido sem voçê deixar marcas.
 Por que eu acordo de madrugada pra repetir pra mim várias vezes que eu ODEIO voçê.
Tantas coisas...


Eu vou se
ntir a falta de tudo como se eu tivesse perdido meu dente da frente, e eu confesso , que realmente sou louca em tá escrevendo aqui,  sendo que eu me fez jurar que não pensaria mais em você.
 Mas tu sempre disse quem jura mente. 

Vou sentir saudade do seu cheiro , e de criar  buracos no seu cabelo...
E sentir falta de acorda nos domingos ouvindo você gritar, dizendo:   Bom dia.
E sentir falta de conversar na escada, e te contar meus podres , e de te fazer sorrir.
Sentir falta de te ligar pela noite. E dizer que te amo.
e isso vai doer.
 Vou sentir falta de comer pizza com você , e dos seus irmãos malucos...
Sentir falta de olhar a chuva pela sua sacada , e sentir falta de passar a mão no seu pé...

Vou sentir falta de ouvir você dizer minha neguinha. Mais eu aguento, eu acho que aguento.
e sentir falta de você colocar meu cabelo por trás da orelha, e de você me apertar pro frio passar.

Lembra?

Dos planos, do casamento , do amor.

Lembra?

Das cartas , recados , depoimentos.

Lembra?

Dos dias de chuva, de sol, dias mais ou menos e dias olhando estrelas.

Eu lembro. De tudo. Cada detalhe, da sua cor preferida até sua bebida preferida. Eu me lembro de ter te amado des da primeira vez que eu te ve.




 Mas qualquer dia desses eu esqueço ,  EU PROMETO,  eu esqueço. 


Amo você infelizmente.







 




Dias que vem e vão...

               Dias normais, que vem e vão...
E resolvir mudar, mudar tudo que não me agrada. Sentei no sofá, levantei...
Sentei na cama e pela primeira vez consegui ver a lua sem esforço.
Fui ver um amigo , e resolvi fazer um tattoo escrita "TUDO  VAI PASSAR" nas costas...[...] Fui ver quem passava pela porta de casa, e levei o  livro que uma  amiga  me emprestou, que me fez rir. E isso foi legal.
Perdi a esperança no amor. Voltei a acreditar nele.
Marquei de sair com amigas e ficar chapada, e ser eu mesma. E troquei a marca dos cigarros.
Um amigo ligou , não quiz atender, me arrependi. Mudei meu jeito de conversar e mudei a cor dos meus esmaltes. Eu mudei por mim mesma. Escutei  The Only Exception do paramore a noite inteira. Aumentei meu alargador, mesmo dizendo que já tinha parado. Corri tentando pegar amoras na árvore da vizinha, eu nunca fui tão feliz com tão pouco. Tomei café com pão de queijo. Parei de tomar vinho. Mas me restam cervejas, cachaça...
Me apaixonei por uma BANDA nova, e resolvi termina meu inglês. Conversei com minha mãe, e ela me segurou quando eu ia cair novamente.
Eu nunca estive tão segura de tudo , nesses dias que vem e vão...
Calma, calma, faltam apenas alguns meses, e então o ano vai acabar e tudo terá sido passado.

É assim. fácil.
As coisas da vida só se complicam quando o ser humano decide, fazer algo que faça, dar tudo certo rápido.
Seria descomplicado, moleza.
Eu não vou mais tentar manipular o destino.













Tudo vai passar.

        Eu sei que não chegarei lá, não agora depois de ser tão magoada e humilhada.
então esse dia pra mim vai ser como se nunca tivesse existido. Foi apagado da memória e do coração.
Pq eu sinto tanta raiva de mim, que eu não sou capaz nem de chorar. Mas eu irei sobreviver , eu irei sobreviver!

Eu queria mesmo, que tudo fosse diferente , mas não foi. Os últimos três meses , não foram reais. e eu deveria ter acordado desse sonho antes de ficar presa nele, como se fosse um filme de terror.
Ontem foi um filme de terror.

 
E agora não importa eu sei que TUDO VAI PASSAR, com o tempo. Eu te esqueci uma vez , eu esqueço outra, mais agora não haverá terceira chance. Esse capítulo da minha vida eu joguei fora, pq eu sinto tanto  ódio, que nem o amor que eu sintia por ele não tá fazendo eu entender.
Dessa vez pra mim vai ser diferente, EU não vou pirar , nem chorar , nem morrer , não outra vez.

Eu já tentei demais. Agora tá na hora de viver a minha vida sem precisar de alguém pra me fazer sorrir.
 Eu não serei submergida de novo.



(Feliz dia que não aconteceu).





Sonhos...


Eu acordei. Acordei de um modo muito melhor, acordei com a impressão de estar tudo resolvido.
Era um sonho , um sonho novo, cheio de realidade, e verdade. tinha cores foscas, e tons cor do amor. Pena que era sonho.
E o meu sonho refletia o que eu queria , era meu e de mais ninguém. E eu não precisava chorar, nem tremer. Acordei de um jeito descançado, como se o peso tivesse sido arrancado pelas mãos de um anjo.
E havia sentimentos que eu não conhecia , e havia risos que eu nunca tinha dado.
Era o meu sonho, e quem eu amava estava nele. Então eu olhei pro teto, eu estava no meu quarto, tinha sido só um SOnHO.







Silêncio,

Logo eu que jurei que não iria  me perder outra vez, estou caíndo em um abismo, e dessa vez acho que não vou mais me encontrar.
Por que o mundo tá sendo cruel, e eu não consigo conter as lágrimas.


Eu sei o que virá, sei que eu vou sofrer, gritar , morrer pouco a pouco , até esquecer.
Sei que dessa vez não haverá outra chance, nem outra oportunidade. E só restará memórias.
Memórias que vão me atormentar todos os dias antes de eu ir dormir.


Agora eu vejo , o mundo é realmente engraçado, mais ele já não me faz rir a muito , muito tempo.                                 
Faltam  6 dias , e eu nem sei se eu chego lá.

M A K T U B

Estava escrito, em algum lugar, do céu ou do mar.








Eu sabia que voçê voltaria.
e mesmo eu sempre tendo acreditado nisso voçê não voltou  na data esperada.
Data essa esperada por mim , mas eu não posso dominar o mundo. E se eu pudesse todos os dias seriam dias de COMER ALGODÃO DOCE, dias simples de tomar banho de chuva, e se eu pudesse dominar o mundo voçê estaria aqui agora me aquecendo desse friozinho solto que me esmaga.
Mas eu ainda não poss.


Pra que eu me esclareça melhor voçê voltou , me trouxe de volta a vontade de rir, me trouxe calor , paz , trouxe amor, e queimação. (queimação essa que acontece só quando eu estou zangada.
Mas as vezes voçê parece não ligar , pra gente , pro tempo ,pra tudo.


é que esse seu jeito as vezes me deixa irada, e se eu tento falar , acontece algo que simplismente me cala.


Já perdi o ritmo , não sei mais o que significa ser sua.
Já não sei mais o que significa ser de alguém, Pois eu sou sempre um errada, que insisti em ser Certa.
ODEIO me sentir assim , com a cara virada pra dentro do poço, parece que eu não cosigo cuidar da minha vida come se deve.


é que as vezes parece que do jeito que voçê voltou , voçê vai desaparecer.


                                                                                                                                                 1.1.2010 








...

Tudo que acontece deve ter um motivo.
 e se ela pudesse pedir algo ao mundo , pediria pra ser mais que importante, e especial.
Todos são ,  e isso é comum demais pra alguém  tão forte assim.
Se por enquanto as coisas estão meio desordenadas , é por que sua cabeça anda cheia demais pra colocar tudo no lugar certo.
Terrivelmente sentiu medo de ter que abrir os olhos e se encontrar sozinha de novo, em um paraíso , que ela não conhece bem.

Amanhã será outro dia , que sua cabeça levantará , e ela tentanrá concertar cada começo errado,  Para que o final dê tudo certo.
ela não pede mais nada além disso , Um poto final , um ponto feliz.


( Ela só pede pra estar lá quando ele ver o mar pela primeira vez).




W.

Pedaços Rabiscados de Mim

E se eu me sentir errada demais está noite vou me despedir de mim, vou me abandonar ,
se eu pudesse apenas olhar no seus olhos e ainda me encontrar segura...
e se suas mãos não tivessem recuado, talvez eu ainda estivesse  tranquila.

São conversar malucas de baixo da escada , de baixo do sol  que vem e vão em tons
preto e branco, que me fazem feliz , ou mais ou menos feliz, que dita regras, e fala grosso.
Conversas , chatas e legais que odeio admitir precisar delas, toda vez que anoitece.
Gritar já não é mais necessario, já que a voz não quer sair, mesmo que gritar seja a melhor opção.
Eu tava dando voltas dentro de mim  , de um lado a outro, procurando o que faltava, vivendo e sendo quem sou, ou quase isso. Tentando trazer de volta o que fugiu.


 Hoje já não tenho mais saudades de ninguém ,  saudades  apenas de mim!
Tecnologia do Blogger.