Como pode haver essa possibilidade?
De eu me lembrar de você sempre que eu respiro?
- Uma nova possibilidade... Uma coisa que eu não quero mais, com algo que eu sinto falta no escuro.
Parece que chove sempre que eu penso em você, E revivo ,tudo...
Parece que a escuridão chegou , com todas as lembraças no bolso. 
Que droga de possibilidade, que nunca me deixa em paz, que me faz morrer. 
Que faz meu coração parar de bater, só por você... E que me faz lembrar da paz e do cheiro que tinha.
É possivel que eu feche meus olhos agora? - Ou que apenas me permita esquecer, permita que meu coração bata , como batia antes de você;
-Deixe essa possibilidade, Tudo aquilo é passado, e me custa aceitar.
Que um dia você esteve aqui, E hoje não me resta qualquer coisa a não ser suas possibilidades.
Deixe esse jogo acabar, Já durou demais. E antes de realmente partir apenas ... diga quando meu coração parar , Você é o único que conhece.
Deixe meu silencio, E me avise quando ouvi-lo , Você é o único que conhece. Eu te envolverei pelos meus braços , e você saberá que foi salvo.
Por mim  chega de possibilidades.

2 comentários:

  • Alberto | 2 de agosto de 2011 15:24


    Meu doce amiga, seu blog é muito bonito e interessante. Quando você quer se refugiar em algumas agradável baladas de ontem, hoje e sempre em todas as línguas e gêneros, eu convido a vocé a visitar meu blog e também ser capaz de me ouvir. Este sábado 30 de Julho, vamos compartilhar dez baladas em Português. Cinco canções românticas do Brasil e cinco do Portugal. Nos textos, reflexões pessoais e algumas notícias.Eu sou um Locutor. Desde a cidade do Rosario-Argentina. Atenciosamente.
    Beto. Sempre, em;
    http://baladasmp3.blogspot.com

  • deia.s | 9 de agosto de 2011 12:33

    Adorei a postagem, e aqui também! *-*

    http://amar-go.blogspot.com/

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.